Cão fica em frente de hospital e espera dono que morreu há...

Cão fica em frente de hospital e espera dono que morreu há quatro meses

Compartilhar

A fidelidade de um cachorrinho ao dono tem comovido funcionários e pacientes de um hospital na pequena cidade de Novo Horizonte, a 406 quilômetros da capital. O animal espera por ele há quatro meses em frente à Santa Casa do município, mas o homem morreu no mesmo dia da entrada no local.

Segundo informações do G1 Rio Preto e Araçatuba, o morador de rua 59 anos foi esfaqueado durante uma briga com um colega, no dia 31 de outubro.  Ele chegou a ser levado ao pronto-socorro, mas não resistiu aos ferimentos. Desde então, o cachorro, que não tem nome, vai e volta todos os dias ao local.

O caso chamou a atenção da advogada Cristiane Sardella, que publicou fotos do animal deitado no carpete de entrada da instituição. “Soube que é alimentado por algumas pessoas. À espera dele é em vão, mas o amor que ele nutre pelo dono é eterno”, escreveu no Facebook.

O animal chegou a ser levado a um canil após a repercussão do post da advogada, mas voltou a ocupar a entrada do hospital.

Veja São Paulo

Compartilhar