Com 100% de ocupação, São Carlos está sem UTI/SUS Covid

Com 100% de ocupação, São Carlos está sem UTI/SUS Covid

Compartilhar

A Cidade On

São Carlos chega neste momento ao nível mais crítico da pandemia. Nesta quinta-feira (21), os dois hospitais – Santa Casa de Misericórdia e Hospital Universitário (HU) – estão com 100% da ocupação de UTIs/SUS Covid.

A informação foi confirmada tanto pelo provedor da Santa Casa, Antonio Morillas Jr, quanto pela superintendente do HU-UFSCar, Ângela Leal, em coletiva de imprensa realizada pela prefeitura para divulgação do plano municipal de imunização.

Na ocasião, Morillas discursou sobre a situação do hospital e pediu a colaboração da população, já que o momento é de extrema preocupação.

“A população está deixando muito a desejar. Não temos uma vaga de UTI na Santa Casa neste dia, então essa preocupação de alguém precisar e não termos, isso nos traz preocupação. É o momento de não abaixarmos a guarda, medidas duras devem ser tomadas neste momento para que a gente tenha controle dessa pandemia na nossa cidade”, comentou.

Atualmente, o hospital conta com 18 leitos de UTI/SUS Covid, sendo 14 leitos na ala adulto e 4 na ala pediátrica. Segundo a assessoria de imprensa, quatro novos leitos adultos serão colocados à disposição a partir de sexta-feira (22).

A superlotação no HU-UFSCar também é motivo de preocupação para Ângela. “É um momento crítico, assim como a Santa Casa, nosso HU está com a UTI lotada. Temos 100% de ocupação neste momento. Minha palavra é de estímulo e esperança para todos”, disse.

Além de hoje, o hospital chegou a 100% da ocupação em outros dias. O hospital conta com 10 leitos UTI/SUS Covid.

Medidas restritivas
Mateus de Aquino, presidente do Comitê de Combate ao Coronavírus, salientou que a imunização que deve começar nesta tarde é extremamente importante para o município, mas que não deve ser motivo de mais relaxamento das medidas sanitárias.

“Hoje o tema principal é a imunização, mas nossa rotina de prevenção não pode parar. A gente vive o pior momento da pandemia na cidade. Nossos hospitais enfrentam neste mento o pior momento de lotação dos seus leitos de enfermaria e de UTI, casos graves que a gente tem que não só rezar, mas trabalhar muito pra que isso diminua em São Carlos.

A situação do município pode impactar na reclassificação do Plano São Paulo, que vai ocorrer nesta sexta-feira (22). Hoje, São Carlos está na fase amarela.

Compartilhar