CPI que investiga possíveis irregularidades em pagamentos à empresa São Carlos Ambiental...

CPI que investiga possíveis irregularidades em pagamentos à empresa São Carlos Ambiental realiza sua primeira reunião

Compartilhar

A Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) para investigar possíveis irregularidades em pagamentos realizados pela Prefeitura desde 1º. de janeiro deste ano à empresa São Carlos Ambiental, presidida pelo vereador Paraná Filho (PSB), realizou nesta segunda-feira (10) na Sala das Comissões no Anexo da Câmara Municipal “Neurivaldo José de Guzzi”, sua primeira reunião.

 

Nesta reunião foram definidos os andamentos da comissão, como serão as oitivas, quem serão os primeiros a prestar depoimento, diligências e outras propostas definidas pelos membros da comissão, visando seu pleno funcionamento. Estiveram presentes além de Paraná Filho, também o relator, vereador João Muller (PMDB) e os vereadores Azuaite França (PPS) e Malabim (PTB).

 

“Deliberamos sobre a requisição de vários documentos referentes aos empenhos e pagamento dos valores a São Carlos Ambiental. As oitivas de testemunhas serão realizadas no mês de maio, após análise pela comissão dos documentos ora requisitados. A próxima reunião da CPI será realizada no próximo dia 27 às 14h00 na sala das comissões,” informou Paraná.

Conforme o Decreto Legislativo de nº 874 de 05 de abril de 2017, o prazo para os trabalhos da comissão é de 90 dias, prorrogáveis por igual período se houver necessidade. A CPI é acompanhada por servidores do setor legislativo da Câmara, e deverá  franquear às testemunhas o comparecimento acompanhadas de advogados.
 

A São Carlos Ambiental – Serviços de Limpeza Urbana e Tratamento de Resíduos Ltda. é a concessionária responsável pelos serviços de coleta, transporte, tratamento e destinação final dos resíduos domiciliares no município.

Compartilhar