Hospital Universitário realiza mutirão de exames

Hospital Universitário realiza mutirão de exames

Compartilhar

O Hospital Universitário da Universidade Federal de São Carlos (UFSCar), administrado pela Empresa Brasileira de Serviços Hospitalares (Ebserh), participa do I Mutirão Nacional da Rede nesta quarta-feira, dia 30 de novembro.

 

Serão realizados 63 exames de ultrassonografia, beneficiando pacientes que já estão em fila de espera no Setor de Regulação da Secretaria Municipal de Saúde de São Carlos. Esse total de exames foi acordado com o Setor, considerando a principal demanda reprimida no município.
Além dos exames, na mesma data, das 8 às 17 horas, o Hospital Universitário montará um stand na praça em frente ao Mercado Municipal para orientar a população com temas referentes à saúde do homem, além da aferição da pressão.

 

O objetivo da ação educacional é conscientizar o público masculino sobre a importância do cuidado integral da saúde, com a prevenção do câncer de próstata – o segundo tipo de câncer mais comum entre homens – e a prática de atividade física e alimentação saudável.

 

Além disso, pensando na saúde e bem estar de seus colaboradores, o Hospital Universitário oferecerá a seus funcionários masculinos palestras sobre a saúde do homem, especificamente o câncer de próstata.

 
Participam da ação educacional as equipes de enfermagem, médica, nutricional, terapia ocupacional, assistência social, psicologia e fisioterapia do Hospital Universitário, além de alunos e professores dos cursos de Medicina e Fisioterapia da UFSCar. O Risóólis, um grupo de clown da UFSCar, também estará na praça, interagindo de forma lúdica com o público.

hu

Mutirão Nacional
Além da unidade de São Carlos, o I Mutirão Nacional da Rede Ebserh conta com com ações para mais de três mil pessoas nos 39 hospitais universitários federais filiados, presentes nas cinco regiões do Brasil.

 

O Mutirão prevê a realização de cirurgias, exames e consultas. A expectativa do evento é diminuir em cerca de 32% a fila de espera dos hospitais e do Sistema Único de Saúde (SUS).

 
Para alcançar o número, cada instituição definiu as especialidades que mais contemplam as necessidades de saúde de cada região. Dos 39 hospitais que vão contar com atividades na data, 21 realizarão cirurgias visando atender mais de mil pacientes.

 

Já para procedimentos ambulatoriais como exames, diagnósticos e ações educacionais preventivas, 31 instituições da rede Ebserh disponibilizarão colaboradores para atender mais de 2,3 mil pessoas. No total, cerca de mil profissionais de saúde vão atender em todo o País.

 

Compartilhar