Insegurança: PCC pretendia ataque em Araraquara nesta terça-feira

Insegurança: PCC pretendia ataque em Araraquara nesta terça-feira

Compartilhar

Armas de fogo teriam sido distribuídas para integrantes da facção criminosa Primeiro Comando da Capital (PCC) em Araraquara com o objetivo de realizar ataques na cidade. Os alvos não foram definidos. A informação foi recebida nesta sexta-feira pelo Centro de Inteligência da Polícia Civil de Araraquara e distribuída para mais de 30 delegacias da região. A mensagem foi compartilhada deixando parte do interior do Estado em alerta.

O delegado Fernando Giareta, seccional da Polícia Civil na região, disse não poder comentar o caso. O texto com papel timbrado diz que “para conhecimento e demais providências, informo que chegou ao conhecimento deste Centro de Inteligência que comunicado entre os membros do PCC dão conta de que armas de fogo foram distribuídas aos integrantes da fação para possíveis ataques. Consta que neste dia 17 de janeiro o comando do PCC irá ordenar aos executores o tipo de ataque e o local onde cada um terá que agir”.

Após a divulgação da ameaça do PCC, um investigador da Polícia Civil foi afastado pela Secretaria de Segurança Pública de São Paulo. A Secretaria ainda desmentiu o ataque.

Com informações de A Cidade On

Compartilhar