Instituto de Física da Usp reinaugura unidade de Fotodinâmica na Santa Casa...

Instituto de Física da Usp reinaugura unidade de Fotodinâmica na Santa Casa de São Carlos

Compartilhar
O Provedor da Santa Casa, Antônio Valério Morillas Júnior; o Diretor do IFSC/USP, Vanderlei Bagnato; e o Secretário de Saúde, Marcos Palermo; na cerimônia de reinauguração da Unidade de Fotodinâmica – Foto: Assessoria Santa Casa

O Instituto de Física da USP reabriu, nesta quarta-feira (8), a Unidade de Fotodinâmica na Santa Casa de São Carlos. O ambulatório foi reaberto em uma nova área do hospital. A cerimônia de reinauguração foi realizada no Auditório Alois Partel na Santa Casa. O Provedor da Santa Casa, Antônio Valério Morillas Júnior; o Prof. Dr. Vanderlei Bagnato, Diretor do Instituto de Física de São Carlos (IFSC/USP); e o Secretário Municipal de Saúde de São Carlos, Marcos Palermo, fizeram a abertura da cerimônia.

Também estiveram no evento, a Diretora de Práticas Assistenciais da Santa Casa, Vanessa de Freitas; a Gerente Financeira e de Captação de Recursos da Santa Casa, Ariellen Guimarães; a Coordenadora do Santa Casa Clínicas, Daniella Bachiega; a Coordenadora da UTI Covid, Carolina Toniolo Zenatti; o gerente médico da Santa Casa, Roberto Muniz Junior; a Chefe de Gabinete da Secretaria Municipal de Saúde, Vanessa Soriato Barbuto; o Chefe de Gabinete da Câmara Municipal de São Carlos, Rogério Gianlorenzo; o Gerente da Central de Regulação Ambulatorial da Prefeitura de Araraquara, Rafael Alves Batista; o vereador de Araraquara, Edson Hel; os representantes da MMOptics, Luciano Bagnato e Luis Antônio Oliveira; os representantes da MultiFISIO BRASIL, Fernanda Carbinatto e Daniel Marques Franco; os assessores do IFSC/USP; Ricardo Rheder e Rui Sintra; o responsável financeiro IFSC/USP, Emanuel Carrilho;  o Diretor do Instituto de Química de São Carlos, Maurício Schiabel; e o pesquisador do IFSC/USP, Vitor Panhoca.

Com a reinauguração, o grupo de pesquisadores vai oferecer atendimentos à população em 4 novos projetos de pesquisa como explica o pesquisador do IFSC/USP, Antonio Eduardo de Aquino Junior. “A partir da próxima semana, nós estamos iniciando com essas quatro linhas de pesquisas novas, com equipamentos produzidos e desenvolvidos pelo Instituto de Física de São Carlos (IFSC/USP), entre eles uma bota de compressão pneumática, que deve auxiliar muito no retorno venoso aos pacientes, também em uma segunda linha, que é o tratamento de capsulite adesiva, ou ombro congelado, que acomete muitas pessoas, teremos também tratamentos de úlceras venosas e câncer de pele”, afirma.

Uma das salas da Unidade de Fotodinâmica na Santa Casa – Foto: Assessoria Santa Casa

Além desses quatro novos serviços, a Unidade de Fotodinâmica vai continuar os atendimentos em artrose e artrite, fibromialgia e mal de Parkinson, em parceria com a Clínica MultFISIO BRASIL.

Para o fisioterapeuta da MultiFISIO BRASIL, Daniel Marques Franco, esses atendimentos também terão importância especial na recuperação de pacientes pós-covid. “Os pacientes ficam bastante debilitados pelo contágio com esse vírus e a gente está fazendo esses atendimentos também do pós-covid, sempre batendo na tecla de melhora de qualidade de vida do paciente”.

O atendimento para pacientes pós-covid também foi destacado pelo Secretário de Saúde de São Carlos, Marcos Palermo. “Nós enfrentamos problemas difíceis no pós-covid, muitas pessoas sequeladas e pretendemos investir nesse segmento. Já temos uma parceria com o professor Bagnato na questão do CITESC (Centro de Inovação, Ciência e Tecnologia em Saúde de São Carlos) e, com a Santa Casa, nessa parceria muito forte, um hospital de referência regional, um hospital de alta complexidade, que salvou muitas vidas na pandemia, nós fomos felizes no nosso planejamento. Tivemos perdas, mas comparado com cidades do mesmo tamanho, tivemos um número bem inferior. Então, temos que parabenizar a direção da Santa Casa, todo corpo clínico, e as universidades, a USP, e o professor Bagnato por poder oferecer isso aos nossos cidadãos”, comenta.

O professor Dr Vanderlei Bagnato disse que com a reinauguração, o atendimento foi ampliado com o que há de mais moderno em termos de pesquisas científicas. “Nós estamos trazendo para a Santa Casa mais tecnologias do que já tínhamos e também estamos dando continuidade a um serviço que atende a paciente com doenças específicas, como é o caso de Parkinson, Artrite, problemas vasculares, dores lombares e pequenas lesões de câncer de pele, por meio da parceria IFSC-USP e MultFISIO BRASIL. Trouxemos novas tecnologias, inclusive, para reabilitar as pessoas com dores musculares pós-COVID- 19 e problemas de várias naturezas. Esperamos que, com essas novas tecnologias já mais aperfeiçoadas, consigamos dar um apoio a essas pessoas que têm essas doenças e que precisam ser reabilitadas de forma quase que constante, para continuarem a sua vida e seu cotidiano. Aqui juntamos tudo: a ciência, o conhecimento, a tecnologia para o bem-estar da sociedade”, ressalta.

O Provedor da Santa Casa, Antônio Valério Morillas Júnior, destacou a importância da parceria do hospital com o Instituto de Física da USP. “Essa parceria com a USP é um trabalho que vai trazer muito benefício, não só para a população da nossa cidade e da nossa região, mas sim para todo país. Tecnologia avançada, desenvolvida pela Universidade de São Paulo e que, graças ao trabalho conjunto com a Santa Casa, vai beneficiar os pacientes de forma gratuita”, afirma.

Quem quiser ser um voluntário de uma dessas linhas de pesquisa, pode ligar para o telefone (16) 3509-1351, de segunda a sexta-feira, das 8h às 17h.

Compartilhar