Justiça determina fechamento do comércio em São Carlos

Justiça determina fechamento do comércio em São Carlos

Compartilhar

O Ministério Público Estadual entrou com um pedido de suspensão do Decreto que dispõe sobre a redução controlada das medidas de isolamento em atividades consideradas não essenciais em São Carlos.

A decisão é da juíza da vara da Fazenda Pública, Gabriela Muller Carioba Attanasio.

Em seu parecer, a juíza alega que a reabertura gradual da atividade comercial somente poderia ser determinada a partir do dia 1º de junho de 2020, conforme disposto no atual Decreto Estadual, sob pena de exposição a risco a vida e a saúde da sociedade, e não em data anterior como previu o Decreto Municipal.

Em caso de descumprimento da decisão judicial, a multa será de R$ 10 mil por dia a ser aplicada contra a Prefeitura Municipal.

Na quinta-feira (28/05) várias lojas reabriram seguindo várias regras sanitárias e de distanciamento impostas pela Prefeitura Municipal e as ruas da área central ficaram lotadas.

Agora, resta esperar a nova liberação para o comércio voltar a funcionar novamente.

Compartilhar