Justiça nega recurso da Athenas e Suzantur continua operando em São Carlos

Justiça nega recurso da Athenas e Suzantur continua operando em São Carlos

Compartilhar

A Athenas Paulista foi derrotada pela segunda vez na Justiça ao solicitar a suspensão do contrato emergencial do transporte coletivo de São Carlos. Com isso a antiga concessionária tentava retornar às atividades na cidade. A decisão da Justiça paulista foi divulgada na tarde de segunda-feira (24/10).

Atualmente o transporte coletivo é operado pela Suzantur que assumiu as linhas por um período inicial de seis meses.
Os juízes que julgaram o pedido entenderam que não havia fundamentos suficientes para a suspensão do contrato e por isso negaram o recurso. Essa é a segunda vez que a Justiça nega pedido de recurso da Athenas, mostrando que o contrato emergencial seguiu todos os tramites legais.

onibus

A antiga empresa que operava o transporte coletivo na cidade tentou anular o certame licitatório mostrando que havia vícios no processo, mas na primeira oportunidade a juíza da Vara da Fazenda de São Carlos também não acatou o pedido. Desta forma a empresa Suzantur, vencedora da licitação emergencial continua operando o transporte público na cidade.

Outra decisão da Justiça era que a Athenas disponibilizasse um funcionário para fazer a migração dos créditos dos cartões BIS e Busfácil. A antiga empresa cumpriu a decisão por apenas três dias e depois o responsável pela transferência não mais compareceu no prédio da Suzantur, prejudicando os usuários do transporte público.

Os advogados da Suzantur acionaram a Justiça e recentemente a Athenas liberou o equipamento e a senha para que a transferências dos créditos fosse realizada.

 

Compartilhar