Leitos de UTI do HU ampliam capacidade de internação em São Carlos

Leitos de UTI do HU ampliam capacidade de internação em São Carlos

Compartilhar

Os dez leitos de Unidade de Terapia Intensiva (UTI) do Hospital Universitário da Universidade Federal de São Carlos (HU-UFSCar) já estão em funcionamento e representam um grande reforço no sistema de saúde da região. Com os novos leitos, São Carlos passa a contar com 18 leitos de UTI para atendimento de pacientes com COVID-19, sendo 10 do HU-UFSCar e 8 da Santa Casa.

“Os leitos do HU mais que dobram a capacidade atual de UTI-SUS na cidade de São Carlos. São destinados a pacientes em situação crítica e que precisam de cuidados intensivos. Estão equipados com todos os equipamentos necessários para estabilizar e prolongar a vida dos pacientes”, conta Ângela Leal, Superintendente do HU-UFSCar.

O HU-UFSCar não tinha leitos de UTI. Dos 10 leitos inaugurados, dois têm isolamento privativo. “A UTI amplia o atendimento do Hospital para alta complexidade. Pacientes graves poderão ser tratados aqui. Além disso, os alunos agora também terão à disposição um cenário de prática mais rico e complexo”, relata a Superintendente do HU-UFSCar, Ângela Leal.

A nova UTI também conta com área para prescrição médica e sala de serviço, área para acolhimento de familiares (recepção), farmácia exclusiva para o setor, sanitários, vestiários, copa e salas administrativas para apoio logístico. “Trabalhamos ativamente junto ao MEC e à Ebserh para liberação dos recursos. A nova UTI fortalece nossa academia na área da saúde, formando profissionais qualificados e gerando conhecimento. Além disso, amplia a prestação de serviços via SUS, beneficiando a comunidade de São Carlos e região”, afirma a Reitora da UFSCar, Wanda Hoffmann.

Desde o início da pandemia, o HU-UFSCar adotou uma série de medidas para conter a transmissão do novo Coronavírus e melhor organizar o fluxo de atendimentos. Além dos 10 novos leitos de UTI, outros 44 leitos já haviam sido disponibilizados para internação de pacientes COVID-19. Até o último sábado (16), já haviam passado pelo Hospital quase 650 pacientes, entre suspeitos e confirmados de COVID-19.

Novo Centro Cirúrgico – Até o final do mês, o Hospital Universitário (HU) entregará um centro cirúrgico e uma moderna Central de Material e Esterilização (CME). Iniciada em dezembro de 2018, toda a obra (UTI, centro cirúrgico e CME) foi contratada por R$ 9,3 milhões, sendo R$ 7,5 milhões de investimentos do Ministério da Educação (MEC) e da Empresa Brasileira de Serviços Hospitalares (Ebserh), vinculada à pasta, e o restante dos recursos investidos pelo próprio Hospital.

Compartilhar