Mãe “lixo” é presa após matar bebê de 9 meses asfixiado em...

Mãe “lixo” é presa após matar bebê de 9 meses asfixiado em Rio Claro

Compartilhar

Uma mãe de 25 anos foi presa por homicídio qualificado, nesta quinta-feira (27/07), por matar o filho, um bebê de nove meses, asfixiado. O caso aconteceu no Jardim Panorama, em Rio Claro (SP). Os travesseiros usados para asfixiar o bebê foram levados para perícia.

Segundo a delegada seccional Adriana Galloni, a mãe confessou o crime. Em depoimento, a mulher disse que matou a criança porque não aguentava mais apanhar do namorado, que não era o pai da criança, e que não queria que o filho crescesse convivendo com a situação. O rapaz está solto e, de acordo com a polícia, ele não tem participalão no crime.

O crime

Segundo o boletim de ocorrência, por volta da meia-noite, a mãe ligou na Unidade de Pronto-Atendimento (UPA) do bairro Cervezão e, muito calma, perguntou como poderia reanimar o filho. Quando a equipe pediu o endereço, ela informou um destino falso, que a viatura não conseguiu localizar.

Quase uma hora após a ligação, o padrasto levou o bebê até a unidade, mas a criança já chegou desacordada e aparentando cor roxa.

Imediatamente o bebê foi encaminhado para emergência. Após 20 minutos, o médico informou ao padrasto a morte da criança. A mãe não estava presente.

Nesta quinta-feira, policiais da Delegacia de Investigações Gerais (DIG) foram até a casa da mulher para levantar mais informações sobre o caso. A princípio ela negou o assassinato. Levada para a delegacia, a mulher acabou confessando o crime.

Com informações do G1

Compartilhar