Motorista de aplicativo acusa taxistas de agressão no terminal rodoviário de São...

Motorista de aplicativo acusa taxistas de agressão no terminal rodoviário de São Carlos

Compartilhar
São Carlos Agora
Um desentendimento entre taxistas e um motorista de Uber foi parar no plantão policial nesta noite de domingo (10/03).
De acordo com o motorista do aplicativo, T.C.R., 32 anos, ele foi solicitado por um passageiro no terminal rodoviário e ao chegar na área de embarque e desembarque, onde havia combinado com o cliente, encontrou cones de trânsito impedindo a entrada na área que deveria ser livre para ser usada por qualquer motorista. Ele tirou os cones para poder passar e todos os taxistas que estavam pelo local, segundo ele entre 20 e 25, ficaram irritados com o ato, o agrediram, danificaram seu carro e o ameaçaram.
O taxista E.B.C., 39 anos, nega que as coisas tenham ocorrido dessa maneira e relata que chovia no momento e que o trânsito estava intenso ao redor do terminal e que alguns motoristas tem o hábito de estacionar o veículo na área de embarque e desembarque enquanto acompanham os familiares, demorando a voltar e deixando o carro em um local que não é estacionamento. Como o movimento estava intenso e o excesso de veículos na área só piorava a situação, os taxistas solicitaram que a Guarda Municipal fosse até para organizar o trânsito, mas enquanto a GM não chegava, resolveram eles mesmos colocar os cones impedindo a passagem até que o movimento diminuisse. Segundo ele, foi nesse momento que o motorista do Uber chegou, tirou o cone para pegar seu passageiro, colocou o cone de volta e estava indo embora, mas parou, desceu do carro e chutou um dos cones, que acabou atingindo um dos taxistas. Eles reclamaram e o motorista fez um movimento como se fosse pegar uma arma na cintura e os taxistas partiram para cima dele, para impedir. Ele nega eles o tenham agredido ou danificado o carro.
O motorista de aplicativo registrou a ocorrência no plantão policial e os fatos devem ser apurados.
Compartilhar