Prefeitura de São Carlos apresenta novo Plano de Segurança Escolar

Prefeitura de São Carlos apresenta novo Plano de Segurança Escolar

Compartilhar

Como o ano letivo começa na próxima segunda-feira (06/02), quando mais de 14 mil alunos retornam às aulas nos 47 Centros Municipais de Educação Infantil (Cemeis) e nas 9 Escolas Municipais de Educação Básica (Emebs), o Departamento de Segurança Pública e Coordenação de Política Institucional da Secretaria de Governo e a Guarda Municipal, elaboraram um Plano de Segurança Escolar.

O projeto foi apresentado na tarde desta sexta-feira (3), no auditório do Paço Municipal, pelo diretor de Segurança Pública e Coordenação de Política Institucional, Samir Gardini e pelo comandante da Guarda Municipal, Michael Yabuki, e prevê a intensificação da ronda escolar, com redirecionamento do efetivo da Guarda.

De acordo com Samir Gardini a Guarda Municipal elaborou um projeto específico para atender as escolas municipais. “Nos reunimos com os secretários de Educação, Nino Mengatti e de Transporte e Trânsito, Coca Ferraz, e com as informações repassadas fizemos um planejamento para atender todas as escolas municipais. O prefeito solicitou empenho para que esse serviço fosse intensificado. A Secretaria de Transporte e Trânsito também vai participar nas escolas com maior fluxo de trânsito, inclusive com passagens seguras”.

Michael Yabuki, comandante da GM, explicou que as viaturas vão realizar a ronda nos três períodos. “Todos os dias vamos começar pelos Cemeis (Centros Municipais de Educação Infantil), que o horário de entrada é mais cedo e depois seguimos para as Emebs (Escolas Municipais de Educação Básica). Vamos colocar duas viaturas fixas e as motocicletas”.

Yabuki ressaltou que as Emebs vão receber atenção especial. “Como são alunos do ensino fundamental, a faixa etária é maior, portanto são essas escolas que costumam ter ocorrências na entrada e saída de alunos, já que são locais visados pelo tráfico de drogas”, explicou o comandante.

 

MONITORAMENTO DE VIATURAS – Durante a apresentação do projeto, Samir Gardini, também anunciou que 25 veículos da Guarda Municipal já estão circulando com o sistema de GPS e monitoramento. “A empresa que administra o sistema de gestão pública do município instalou chips de rastreamento GPS nas viaturas da Guarda Municipal O sistema rastreia as viaturas, mostrando horário, trajetória, velocidade, pontos de parada, controle de combustível e visualização da rua de modo similar ao Google Maps, gerando todo um histórico no banco de dados. O serviço já constava no contrato assinado com a empresa, mas não estava sendo utilizado. Conversamos com o vice-prefeito Giuliano Cardinali, que agilizou o processo”, afirmou o diretor de segurança pública.

Michael Yabuki, comandante da Guarda Municipal, disse que também será possível, na segunda etapa de implantação, criar setores virtuais que emitirão alertas quando as viaturas passarem do limite geográfico e de velocidade pré-estabelecidos. “O sistema demarca a cidade inteira mapeando pontos de interesse como escolas e postos de saúde, mostrando em tempo real o endereço e o telefone e se a viatura está ou não no local”. 

Com os dados também será possível gerar estatísticas, gráficos e emitir relatórios logísticos e operacionais da roteirização e do desempenho operacional das viaturas. O sistema permite, ainda, o cadastro de procurados, de veículos roubados, inclusive de pessoas desaparecidas, contribuindo assim com a Secretaria de Cidadania e Assistência Social na questão dos moradores em situação de rua.

Além do monitoramento, futuramente serão disponibilizados tablets para que as próprias viaturas consigam ter acesso durante a operação do sistema, podendo registrar as ocorrências incluindo também imagens.

Também participaram da apresentação o secretário de Transporte e Trânsito, Coca Ferraz e o chefe de gabinete da Secretaria Municipal de Habitação e Desenvolvimento Urbano, Douglas Pinheiro, na ocasião representando o vice-prefeito e secretário Giuliano Cardinali, além de jornalistas.

Compartilhar